Anônimo

Coluna do Anônimo

Veja todas as colunas

O amadorismo ordenado

Mas aí eu te pergunto: quem sou eu para falar de Conmebol, se tenho como representante a CBF? Quem somos nós, senão macacos sentados no próprio rabo.

30/11/2018 às 05:30

Amigos, já não sei qual é o motivo de vocês para gostarem de futebol. O esporte de massa, coletivo, está cada vez mais individualizado. Cada vez mais em menos mãos ao invés de muitos pés. Vejam só os últimos acontecimentos. Vou ter que listá-los em uma única e semelhante desordem.

Os times brasileiros foram nitidamente prejudicados na Libertadores. A Conmebol dormiu sonhando com a finalíssima entre os rivais argentinos, River Plate e Boca Juniors, e acordou com muita chuva, brigas e atrasos. Para resolver, mandou a final lá para a Europa, no estádio do Real Madrid, possível adversário do argentino que for campeão e se classificar ao próximo e mais importante torneio, que não à toa chama-se Mundial. Daí você vê a importância que se dá a nós: brasileiros preteridos pelos argentinos preteridos pelos europeus.

Mas aí eu te pergunto: quem sou eu para falar de Conmebol, se tenho como representante a CBF? Quem somos nós, senão macacos sentados no próprio rabo. A nossa gestora, meus caros, ficou com inveja da bagunça na sala e veio bagunçar o nosso quarto. É claro que o Fluminense, filho-querido-rebelde, está no meio da baderna. Com ele, o Flamengo, filho-querido-querido. E, para não sair muito do contexto dos mandantes x injustiçados, temos, nós, dois mineiros, filhos-bastardos-ou-apenas-indesejados, envolvidos na fuzaca. 

Pensem vocês que o América, com a corda do rebaixamento no pescoço, teve que pensar também na falta de campo para enfrentar o Fluminense, enquanto o Atlético, que tava tranquilo e preparando sua festa para o próximo domingo, teve que mudá-la para sábado. Aliás, foi avisado sobre a mudança. Em uma rodada em que todos os jogos são no mesmo horário, a CBF coloca os rivais Fla e Flu de mandantes. Aí só podia dar em Conmebol mesmo.. digo, em bagunça. 

Parece novas cenas de filme antigo. É sempre de esperar esse tipo de coisa dessas entidades do futebol profissional. Temo e me entristeço quando comparam essas atitudes ao futebol amador. Amigos, não façam isso com as competições menos favorecidas de dinheiro, mas que abastecem e mantêm vivo o nosso futebol raiz. 

“O futebol profissional exige dinheiro, mas não só dinheiro. Ele implica em algo mais, ou seja: implica nos tais valores gratuitos que conferem a um jogo, a uma pelada, a uma dimensão especialíssima. Um match representa algo mais que pontapés. Participam da luta dois clubes e todos os seus bens morais, afetivos, líricos, históricos.” É, Nelson Rodrigues, demorei para te achar desatualizado. Essas coisas aí já não representam mais o nosso futebol, senão o dinheiro. 

Mas, pode-se ver, com a exceção das grandes cifras, todas essas características no futebol amador. Inclui-se aí a ordem, a coletiva organização. A Copa Itatiaia, por exemplo, já vai começar e não há nada que já não esteja decidido. Inclusive onde será a final. Por lá, e por todos os campos de terra, de barro, de areia, cascalho, grama ou sintético, nas quadras e tantos outros lugares onde o futebol se pratica longe do profissional, Nelson Rodrigues não perderia sua grande análise e então poderíamos apenas acrescentar um valor gratuito à perfeita definição sobre o futebol amador: a tradição.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️🏆Em presença maciça na Seleção Guará, jogadores do Cruzeiro comemoram prêmio: https://t.co/24IBFAAQGg https://t.co/XFmheNosqk

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽🏆Campeão mineiro e da Copa do Brasil, além de emplacar o Dirigente do Ano, o Craque do Ano, o Técnico do Ano e o melhor Preparador Físico, o clube celeste ainda teve a maior...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Com 22 gols marcados na temporada, atacante do Atlético recebeu o Troféu Guará BMG como Artilheiro do Ano. O camisa 9 do Galo também levou o prêmio por ser o centroavante da S...

    Acessar Link