Notícias

Após pesquisa, Marina Silva diz estar preocupada com 'risco de extrema polarização'

Por Agência Estado, 16/04/2018 às 07:56

Texto:

Foto: Elza Fiuza/Agência Brasil
Elza Fiuza/Agência Brasil

Em nota divulgada na tarde deste domingo para comentar a mais recente pesquisa Datafolha, a pré-candidata à Presidência Marina Silva (Rede) disse estar comprometida com debate, e não com embate, numa referência clara ao também presidenciável Jair Bolsonaro (PSL).

Marina aparece com 15% e 16% das intenções de voto, em cenários que não consideram Lula como candidato, um porcentual semelhante ao de Bolsonaro, que tem 17% das intenções de voto.

No texto, Marina se diz preocupada com "risco de extrema polarização do debate político." "Lembro que a pesquisa retrata um momento. E que nesse momento e nos próximos meses o eleitor estará fazendo escolhas entre um expressivo número de candidatos".

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Nos EUA, Bolsonaro se compara a Trump e fala em resolver 'questão na Venezuela': https://t.co/zs0eT3fGnE https://t.co/WVZzIrKC4u

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Ele traçou um paralelo com o presidente dos EUA, que aponta que vários meios de comunicação não realizam uma cobertura justa de sua administração nos EUA

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Ele traçou um paralelo com o presidente dos EUA, que aponta que vários meios de comunicação não realizam uma cobertura justa de sua administração nos EUA

    Acessar Link