Notícias

Falta de exames de rotina e desleixo fazem disparar casos de diabetes em homens

Por Jacqueline Moura, 04/07/2018 às 10:52
atualizado em: 04/07/2018 às 11:37

Texto:

Foto: EBC
EBC

Não é da cultura dos homens ir ao médico, fazer exames de rotina e se preocupar com a saúde. Muitos, inclusive, não gostam. No entanto, essa resistência tem consequências. De acordo com Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), do Ministério da Saúde, em 11 anos (de 2006 a 2017), o diagnóstico de homens com diabetes em Belo Horizonte mais que dobrou, com aumento de 160,6% no número de casos. Entre 2010 e 2016, 35.628 pessoas morreram em Minas Gerais, de acordo com o Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM). 

Para o endocrinologista Breno Figueiredo Bessa, da Santa Casa BH, o tipo 2 é o mais comum do diabetes. Ele surge devido aos péssimos hábitos de vida, como sedentarismo e alimentação desequilibrada, com ingestão de muito açúcar e carboidrato. 

“O diabetes é uma doença progressiva que pode causar várias complicações na saúde. O portador da doença pode perder a visão, ter problemas renais (e ficar dependente de hemodiálise) e ainda ter inflamações nas artérias, o que pode causar infarto e acidente vascular cerebral (AVC)”, alerta o especialista.

A prevenção passa especialmente por mudanças na alimentação. As pessoas devem evitar o consumo exagerado de açúcar, como doces e refrigerantes, e de carboidratos refinados, como farinha branca. 

A prática de atividade física com frequência é um grande aliado no combate à doença. A Organização Mundial da Saúde recomenda, pelo menos, 30 minutos de caminhada por dia. Além disso, como o diabetes é uma doença silenciosa, a medição da glicose deve ser feita com frequência. 

“Homens e mulheres estão piorando os hábitos alimentares cada vez mais cedo, antes até dos 20 anos, mas a faixa etária crítica para o aparecimento do diabetes é a partir dos 40 anos. Como a doença é silenciosa, a partir desta idade as pessoas devem fazer a medição da glicose com frequência e fazer exames de rotina, pelo menos, uma vez por ano”, enfatizou o endocrinologista.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Oração pelos filhos'. Ouça ou leia a oração desta sexta-feira e compartilhe com os seus amigos!… https://t.co/OLV6mxe9ZE

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Senhor, que o egoísmo, a ambição, a maldade não os desviem do bom caminho'. Ouça ou leia a oração desta sexta-feira e compartilhe com seus amigos! 🙌🏿👇🏿

    Acessar Link