Notícias

Pesquisa atualizada aponta que oito em cada dez brasileiros se automedicam

Por Agência Brasil, 26/10/2018 às 16:30
atualizado em: 26/10/2018 às 16:46

Texto:

Quem nunca se sentiu mal e pesquisou um possível diagnóstico na internet? Na correria do dia a dia, trocar o médico pelas informações do google tem se tornado cada vez mais comum. Mas o autodiagnóstico e a automedicação podem oferecer riscos à saúde. 

De acordo com dados atualizados de uma pesquisa do Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ), no Brasil, 79% das pessoas com mais de 16 anos admitem tomar remédios sem prescrição médica. O imediatismo e o maior acesso à internet estão entre os motivos para o aumento, segundo os pesquisadores. O levantamento foi feito em setembro, com 2.126 pessoas a partir dos 16 anos, em 129 municípios das cinco regiões do País.

A pesquisa ainda mostra que dor de cabeça, febre, resfriado e dores musculares estão entre os principais sintomas que levam o brasileiro a se medicar. O maior porcentual de automedicação foi observado entre adultos de 25 a 34 anos, 91%. 

Riscos 

A assessora técnica farmacêutica do Conselho Regional de Farmácia, Danúbia Salviano, alerta para os riscos da automedicação. “Questões técnicas importantes não devem ser negligenciadas, como por exemplo  a questão da interação medicamentosa.  Às vezes o paciente já utiliza um medicamento para diabetes ou hipertensão e toma outro por conta própria. Isso pode causar uma interação medicamentosa que pode reverter os sintomas e causar outras doenças, até mais graves”, frisa. 

A especialista ainda lembra que o consumo de antibióticos sem prescrição médica é extremamente grave. "A automedicação, neste caso, pode causar maior resistência à bactéria causadora da infecção, o que vai desencadear a indicação de antibióticos mais fortes. Existem tipos de bactérias super-resistentes em que os medicamentos não são mais suficientes para combatê-las, o que pode causar a morte da pessoa”, explica Danúbia.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Kalil cria decreto de emergência para a Vilarinho e prevê início das obras para julho do ano que vem:… https://t.co/9TxzT4ZZ2x

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Um dos principais pontos do projeto é o chamado potencial construtivo, que é o direito de se construir acima da metragem original do lote. Ouça a reportagem 👇👇

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽️ Goleiro alvinegro ressaltou a necessidade de vencer no Beira-Rio para se distanciar do Atlético-PR

    Acessar Link