Notícias

Surto de sarampo chega ao sudeste e preocupa; vacinação é única maneira de evitar doença

Por Jacqueline Moura, 12/07/2018 às 12:29
atualizado em: 12/07/2018 às 12:31

Texto:

O surto de sarampo que começou pelo Amazonas e Roraima, estados que fazem fronteira com a Venezuela, agora atinge outros estados do país. Rio de Janeiro e São Paulo, na região Sudeste, já têm casos confirmados da doença. O sarampo é contagioso e causado por vírus que pode ser transmitido por via respiratória. Os sintomas são manchas na pele, tosse, febre e mal-estar e podem aparecer até 12 dias após a doença ser contraída. Em situações mais graves pode levar à pneumonia, inflamação no cérebro, cegueira e até a morte. 

A principal maneira de evitar a doença é com a vacinação. Na rede pública, a vacina administrada é a tríplice viral, que protege contra caxumba, rubéola e sarampo. O esquema vacinal contra o sarampo para crianças é de uma dose aos 12 meses (tríplice viral) e outra aos 15 meses (tetra viral). Adolescentes e adultos até os 29 anos devem tomar duas doses; dos 30 aos 49 anos, a dose é única.

Em Belo Horizonte, o último caso registrado da doença foi em 1997, isso graças à cobertura vacinal. A Diretora de Promoção à Saúde e Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, Lúcia Paixão, lembra que a doença pode atingir pessoas de qualquer idade. “A população toda está suscetível à doença, em especial as crianças. A vacina é tomada com um ano de idade e deve ser repetida na infância e na adolescência. Quem não tomou a vacina na infância, pode tomar na fase adulta”, alerta.

Na capital mineira, a vacina contra sarampo está disponível nos 152 postos de saúde espalhados pela cidade, tanto para crianças quanto para os adultos. 

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais, neste ano, até o momento o estado tem um total de 56 casos suspeitos para sarampo. Todos foram laboratorialmente e epidemiologicamente descartados. Ainda de acordo com a Secretaria, os últimos casos confirmados de sarampo ocorreram em 1999; foram nove casos. No ano de 2013 foram confirmados dois casos da doença em Minas Gerais, ambos com contágio na Flórida, nos Estados Unidos.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽✍ "E o VAR, coitado, mostrou, mostrou e mostrou o lance para o juiz - foi mais claro que a torcida quando mostra u… https://t.co/Cqaa2NErlI

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Para que serve o VAR, então, se toda decisão final é do árbitro? Leia a coluna de Ursula Nogueira. 👇🏿

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚽✍ "E o VAR, coitado, mostrou, mostrou e mostrou o lance para o juiz - foi mais claro que a torcida quando mostra uma falta no grito - e deve agora torcer para a luz acabar e ...

    Acessar Link