Notícias

Uso de anabolizantes desencadeia vários problemas à saúde do homem e da mulher 

Por Jacqueline Moura/Itatiaia, 03/01/2019 às 11:29
atualizado em: 03/01/2019 às 11:33

Texto:

A busca por um corpo perfeito e a qualquer preço se intensifica no verão e pode custar caro. Sem resultados satisfatórios apenas com a dieta e malhação, muita gente recorre aos anabolizantes, produtos que podem causar vários danos à saúde.

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a ingestão de substâncias nocivas como álcool, drogas e anabolizantes, entre os adolescentes e adultos jovens, é um desafio crescente na maioria dos países, inclusive no Brasil. 

Para o médico Rogerio Saint Clair, urologista da Santa Casa BH, os anabolizantes são indicados para reposição da testosterona quando há baixa produção pelo organismo, como em idosos e homens com problemas de disfunção sexual. Usados sem indicação, o organismo para de produzir o hormônio e fica dependente do uso dos anabolizantes para repor testosterona, o que causa problemas à saúde.

Os efeitos perceptíveis dos anabolizantes no corpo são ganho de massa muscular, retenção hídrica, diminuição no volume de material ejaculado, falta ou aumento do interesse sexual e problemas de ereção. Com uso a médio e longo prazo, os problemas podem ser maiores. “O maior problema do uso prolongado do anabolizante sem indicação é quando os testículos param de funcionar. O organismo entende que tem muito hormônio vindo de fora com o uso dos anabolizantes e não precisa produzir”, afirma.

Todos os órgãos do organismo podem sofrer com a reposição de testosterona com o uso de anabolizantes. “Os destaques são o desenvolvimento de câncer no fígado, o aumento do tamanho do coração em razão do descontrole do fluxo de sangue no corpo, e sobrecarga nos rins”, alerta o médico. 

Saint Clair ainda destaca que os efeitos nocivos ao organismo também se estendem às mulheres. “Desenvolvimento de pelos por várias partes do corpo, aumento do tamanho do clitóris e mudança no timbre da voz que fica mais grossa e mais anasalada, além de problemas de fígado e coração”, diz. O médico da Santa Casa BH ainda esclarece que o ideal para aumentar a massa muscular é contar com a genética, malhar regularmente com disciplina, optar por uma alimentação balanceada e ter boas noites de sono. 
 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    🙏 "A nossa existência é dividida em fases, e cada uma delas representa um aprendizado." Ore e compartilhe a oração… https://t.co/4tSY2aZhpH

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    A decisão vale para todas as servidoras públicas que atuam na administração direta, em autarquias ou fundações

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O relator do caso destacou que a responsabilidade civil do homem decorre do fato de que ele sabia ser soropositivo e mesmo assim mantinha relações extraconjugais, sem o conhec...

    Acessar Link